fbpx

Placa de sinalização de segurança

Qualquer ambiente de trabalho, seja uma indústria ou escritório, oferece riscos para os colaboradores. Pensando nisso, é dever das empresas utilizar dispositivos como a placa de sinalização de segurança para preservar a integridade da equipe e reduzir riscos de acidentes.

Afinal, os locais de trabalho são espaços que registram uma grande circulação de pessoas todos os dias.

Se a sua empresa ainda não conta com placas de sinalização de segurança, confira no artigo porque elas são tão importantes nos ambientes de trabalho.

Conheça a placa de sinalização de segurança

A placa de sinalização de segurança é uma importante ferramenta de comunicação visual, utilizada para alertar o público quanto aos possíveis riscos no local, direcionar o fluxo de pessoas e organizar o espaço.

Através do uso desta ferramenta é possível reduzir os riscos de acidentes, evitar o pânico generalizado em situações de emergência e indicar as atitudes mais adequadas em momentos de urgência.

Afinal, estas placas são desenvolvidas para facilitar a identificação de saídas de emergência, rotas de fuga e áreas de risco, bem como a localização de extintores e demais equipamentos importantes.

As placas de sinalização não costumam ser muito grandes para não gerar um grande impacto visual no ambiente. Contudo, elas são chamativas e apresentam cores fortes que facilitam a visualização a distância, em locais escuros e até em meio à fumaça.

Existem diversos tipos de placa de sinalização de segurança:

  • sinalização de emergência;
  • sinalização de alerta;
  • sinalização de obrigação;
  • sinalização de proibição;
  • sinalização de conscientização;
  • sinalização de identificação de riscos.

Cada tipo de placa possui cores padronizadas que auxiliam na rápida identificação em qualquer ambiente e evitam confusões.

Placas fotoluminescentes

Como mencionamos, as placas de sinalização são chamativas e podem ser percebidas até em situações de pouca visibilidade, através dos modelos fotoluminescentes.

Estas placas são dispositivos com a capacidade de emitir brilho em locais com pouca ou nenhuma iluminação — devido ao efeito fotoluminescente —, orientando as pessoas e garantindo a leitura dos avisos durante situações de emergência ou ausência de energia elétrica.

A norma que estipula o uso das placas fotoluminescentes e determina seus requisitos mínimos é a ABNT NBR 13434.

A autonomia da placa fotoluminescente, ou seja, o tempo de funcionamento do sinal luminoso, deve ser de, pelo menos, 1.800 minutos. Já as cores emitidas devem ser amarelado esverdeado durante o período de autonomia e branco na falta de luz ambiente.

Quer saber mais sobre as placas fotoluminescentes? Confira nosso artigo clicando aqui! 

Quais normas abordam o uso de placas de segurança?

No Brasil, o uso das placas de sinalização de segurança é regulamentado e padronizado por algumas normas.

Confira as principais regulamentações que abordam o assunto:

  • NR-26: a Norma Regulamentadora 26 estabelece orientações quanto à sinalização de segurança, indicando o uso das cores como alerta acerca dos riscos existentes em locais de trabalho e estabelecimentos.
  • ABNT NBR 7195: esta norma estabelece as cores que devem ser utilizadas na prevenção de acidentes para identificar e comunicar sobre riscos.
  • ABNT NBR 16820: especifica os requisitos para projetos, fabricação, instalação e outros procedimentos para sistema de sinalização de emergência, prevenção e proteção contra incêndio e situações emergenciais.

Vale lembrar que as placas de sinalização de segurança são exigidas por lei em qualquer tipo de empresa, independente do setor e da quantidade de colaboradores.

As cores de segurança

Quando o assunto é placa de sinalização, não podemos deixar de falar sobre as diferentes cores utilizadas em cada tipo de placa.

Você sabia que as cores são padronizadas visando a transmissão de diferentes mensagens para o público que frequenta determinado espaço?

Confira o que significa cada cor:

  • Vermelho
    O vermelho é usado para identificar equipamentos de proteção e combate a incêndio, além de representar parada obrigatória e proibição.
  • Laranja
    A cor laranja indica perigo, sendo utilizada, por exemplo, em dispositivos elétricos e áreas de construção.
  • Amarelo
    O amarelo indica cuidado, e é usado em áreas de risco com presença de radiação, eletricidade, produtos tóxicos, entre outros.
  • Verde
    A cor verde representa segurança, e costuma ser utilizada para sinalizar a localização de equipamentos de primeiros socorros, além de orientar rotas de fuga e saídas de emergência.
  • Azul
    O azul indica avisos e ação obrigatória, como a necessidade de utilizar Equipamentos de Proteção Individual e impedir a movimentação de equipamentos.

Como você conferiu, as placas de sinalização de segurança desempenham um papel essencial nas empresas, contribuindo para o bem-estar de toda a equipe.

Dessa forma, na hora de implantar a sinalização de segurança no local de trabalho é preciso contar com um parceiro sério, que ofereça produtos de alta durabilidade e resistência.

Há mais de 30 anos no mercado da comunicação visual, o Grupo CB entrega as melhores soluções em sinalização de segurança para empresas de diversos segmentos.

As placas de segurança são fabricadas em impressão digital de alta resolução e seguem os padrões de cores estipulados pela NPT-020.

O Grupo CB produz placas em PVC, alumínio ou chapa galvanizada, utilizando apenas materiais com laudo técnico emitido pelo fabricante.

Entre em contato com a nossa equipe e solicite um orçamento de placas de segurança para o seu negócio. Consulte também as opções de placas de segurança fotoluminescentes.

Siga no Instagram